Frágilidade.


Tão frágeis são as pobres fadas.
Os demônios às maltratam.
Arrancam suas asas.
E por fim, às matam.